sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

O CULTO DOMÉSTICO

   O culto doméstico é também o culto da família. É uma definição bíblica!  Neste culto a família tem a oportunidade de manter a comunhão com Deus. Encontramos o primeiro culto doméstico no Jardim do Édem (Gn 3.8). Um dos livros mais antigos da Bíblia registra Jó cultuando a Deus no seu lar (Jó 1.1-8). Assim entendemos que um lar genuinamente cristão pratica o culto doméstico. Ele deve ser realizado com temor, tãoen servirá de bênçãos para toda a família.

I. A IMPORTÂNCIA DO CULTO DOMÉSTICO

  O nosso lar torna-se uma igreja onde buscamos a presença de Deus. O Senhor promete estar presente onde um pequeno grupo se reúne (Mt 18.20). A nossa casa é como uma escola permanente onde se aprende a Palavra de Deus (Sl 119.105). Ali os filhos são educados no caminho do Senhor (Pv 22.6). Neste ambiente, se formam os bons costumes e hábitos saudáveis. O lar é um campo evangelístico. Ganhar os filhos para Jesus é dever dos pais (At 16.31). Todavia, se negligenciarmos, sofreremos as tristes consequências. Pais, grande é a vossa missão! Não percam tempo. Lembrem-se que o ministério dos pais é temporal. Josué esclamou: "Eu e a minha casa serviremos ao Senhor", Js 24.15. Este deve ser o desejo de todas as famílias. 

II. OS COMPONENTES DO CULTO DOMÉSTICO

  O dirigente é peça fundamental. O segredo do culto doméstico está na pessoa que vai liderar. Geralmente é o pai ou a mãe. Ele deve se preparar.  O lugar deve ser apropriado. Não pode haver distração. A reverência é importante, pois é um requisito do culto. A oração não pode faltar, por meio dela falamos com Deus. A leitura bíblica de um texto completo das Escrituras. O louvor - há famílias que têm o costume de cantar. Regularidade, pelo menos uma vez por semana. O tempo pode ser de cinco a quize minutos. Pode-se ter também pedidos de oração. Depois, a parte dos testemunhos. O culto doméstico não pode ser monótono. Deve ser criativo e dinâmico.

III. AS BÊNÇÃOS DO CULTO DOMÉSTICO

    Ele torna a nossa casa uma igreja. O ambiente familiar torna-se mais agradável. Onde todos os familiares são abençoados. O nome de Jesus é glorificado. A comunhão no lar é fortalecida. Ouvimos a leitura da Bíblia. Prestamos o nosso serviço a Deus, que é o culto racional (Rm 12.1,2). Recebemos forças para vencer. Aprendemos a confiar em Deus. Exercitamos a fé. Levamos todas as ansiedades para o Senhor. Influencia a igreja e a sociedade. Oramos também pelos nossos irmãos. Consagramos o lar à Deus. Nos preparamos para a Vinda de Jesus. Evangelizamos os hóspedes e os vizinhos. Neste momento sublime toda a família se posta diante. O culto doméstico é a demostração que amamos a Deus e dependemos de sua graça. 

   CONCLUSÃO

  Quantas bênçãos são alcançadas através do culto nas casas? Muitas! Quando criança ouvi e entendi sobre a Pessoa de Deus, num culto doméstico. Minhas primeiras experiências espirituais foram em casa. Meus avós sempre faziam o culto doméstico. Comece hoje a fazer o seu.

   

Nenhum comentário:

Postar um comentário